Descobrir GALIZA

FARÓIS E PRAIAS SELVAGENS

Se há um som na Galiza que nunca cessa, essa é a batida do mar contra as rochas, um mar agitado no qual até os marinheiros mais experientes passaram por momentos difíceis; um mar que, em algum momento, era habitado por sereias.

BOSQUES DE GALIZA

 

Penetrar nos bosques galegos é a melhor forma de descontrair, de deixar para trás o frenético dia a dia para mergulharmos num recanto de paz e natureza.

O ar húmido mistura-se com o aroma das nossas árvores, do musgo, das folhas secas que crepitam sobre os nossos passos; com osom da água que, através dos rios e regatos, vai abrindo caminho sinuosamente até chegar ao mar. É necessário estar muito atento ao caminho, porque estes bosques, muitos deles impenetráveis, são morada de uma fauna e de uma flora dignas de admiração. Espessos carvalhais, azinhais, bosques de bétulas e castanheiros que, imóveis e silenciosos, esperam a sua visita, que percorra as suas paragens, dignas da Galiza mais mágica.

PATRIMÓNIO OCULTO

Conhecer o património oculto da Galiza é a melhor maneira de nos aproximarmos do segredo que, tão zelosamente, esta terra guarda. .A Galiza oferece muito que ainda está por descobrir, visto ser uma terra com pequenas povoações que guardam os seus próprios tesouros, tanto artísticos como etnográficos: pequenas igrejas (muitas delas, joias do românico) pertencentes a antigos mosteiros na mais recôndita paisagem rural; os seus campos e moinhos, que parecem parados no tempo; castros e petróglifos que nos levam a imaginar a vida dos nossos antepassados mais remotos; castelos e fortalezas que, ainda de pé, nos transportam à magnificência de outros tempos.

Isto é só uma pequena amostra de tudo o que na Galiza há para descobrir; porque é que não tentam desvendar o seu segredo?

XACOBEO 2021-2022

unnamed.png
Bosques Galicia.png